Ziraldo no Colégio Novos Tempos


Pela primeira vez em Contagem, o cartunista e escritor Ziraldo, criador do Menino Maluquinho, esteve no Colégio Novos Tempos, neste dia 10, como premiação do concurso cultural Maratona de Leitura de Livros Infantis - Uma aventura maluquinha, organizada pela empresa Árvore de Livros. O colégio foi o vencedor da maratona nacional, após conseguir mais de 16 mil likes na votação do cartaz com o tema do concursoque teve 190 escolas de todo o país participando, porém, o Novos Tempos foi a única escola mineira que chegou a fase final e sagrou-se campeã.


A visita começou às 15:30h, com o cartunista chegando para o encontro com a turma do Ensino Fundamental I, 5º ano G, que representou o colégio na competição. A turma foi orientada pela professora Renata Oliveira, agora conhecida como “Renata Maluquinha” e a coordenadora pedagógica Laira Lages.

 

Ziraldo, aos 86 anos, mostrou muita simpatia, carisma e a técnica inconfundível de seus traços, ao receber uma homenagem da escola, que inaugurou a biblioteca com o nome do escritor “Biblioteca Ziraldo”. O descerramento da placa foi um marco na visita do escritor, que viu também o cartaz produzido pelos estudantes, que ficará exposto na biblioteca. O desenhista ainda fez fotos e autografou dezenas de livros. Dois momentos marcarão para sempre esse encontro inédito do Ziraldo no colégio e na cidade, quando ele desenhou um Menino Maluquinho na parede da biblioteca e assinando a obra, e deixar um recado para os estudantes, a já conhecida frase. “Aqui, fica um recado para vocês que ler é mais importante do que estudar”, disse o chargista.

 

Ziraldo foi conduzido para o Ginásio J. Maia que estava lotado de estudantes, pais, amigos e parceiros do colégio. O cartunista teve um momento de bate papo com o público presente. Afinal, a comunidade escolar, funcionários, estudantes e todo o município se envolveram na busca por curtidas no cartaz do colégio, o que deu a vitória ao colégio. A visita do gênio dos traços foi marcada por emoção e alegria, assim, a direção do Novos Tempos faz questão de agradecer todos os que cooperaram para que esse sonho fosse realizado.


Ziraldo

Em conversa com o público presente Ziraldo fez questão de explicar sua motivação para escrever, desenhar e outras atividades. Interessante foi ele contar o porque do seu nome. “Meu pai muito inteligente, juntou o nome dele, que é Geraldo com o de minha mãe, que era tratada como Zizinha, ai ficou Ziraldo”, contou.

 

Além de cartunista, o gênio dos traços tem um currículo extenso de atividades como, chargista, pintor, dramaturgo, caricaturista, escritor, cronista, desenhista, humorista, colunista e jornalista brasileiro. Ziraldo Alves Pinto nasceu no dia 24 de outubro de 1932, em Caratinga, Minas Gerais. Começou sua carreira nos anos 50 em jornais e revistas de expressão, como Jornal do Brasil, O Cruzeiro, Folha de Minas, etc. A fama começou a vir nos anos 60, com o lançamento da primeira revista em quadrinhos brasileira feita por um só autor: A Turma do Pererê. Durante a Ditadura Militar (1964-1984) fundou com outros humoristas O Pasquim- um jornal não-conformista que fez escola, e até hoje nos deixa saudades. Seus quadrinhos para adultos, especialmente The Supermãe e Mineirinho - o Comequieto, também contam com uma legião de admiradores.


Em 1969 Ziraldo publicou o seu primeiro livro infantil, FLICTS, que conquistou fãs em todo o mundo. A partir de 1979 concentrou-se na produção de livros para crianças, e em 1980 lançou O Menino Maluquinho, um dos maiores fenômenos editoriais no Brasil de todos os tempos. O livro já foi adaptado com grande sucesso para teatro, quadrinhos, ópera infantil, videogame, Internet e cinema. E virou até filme. Os trabalhos de Ziraldo já foram traduzidos para diversos idiomas. Ziraldo ilustrou o primeiro livro infantil brasileiro com versão integral on-line, em uma iniciativa pioneira.

Ziraldo eterniza sua visita a escola com o desenho do Menino Maluquinho na biblioteca

Clique aqui e veja mais fotos